top of page
Buscar
  • Foto do escritorErica Alonso

Começa a temporada de cruzeiros 2022/2023.

A temporada injetará cerca de R$ 4 bilhões na economia Nacional.

O MSC Fantasia será o primeiro transatlântico a chegar no Porto de Santos nesta quarta (2).


Tem início amanhã (29) a temporada de cruzeiros 2022/2023, que será a maior dos últimos dez anos, com duração de quase seis meses. O Brasil contará com nove embarcações e 780 mil leitos, número 47% superior ao registrado no período pré-pandemia, quando foram ofertados 530 mil leitos.


O primeiro navio da temporada, o MSC Fantasia, chegará a Salvador com a oferta de 4.363 leitos. Além deste, o Costa Firenze, Costa Fortuna, Costa Favolosa, MSC Armonia, MSC Música, MSC Preziosa, MSC Seashore e o MSC Seaview realizarão 184 roteiros que partirão dos portos de Itajaí (SC), Maceió, Rio de Janeiro, Salvador e Santos (SP). Ao todo, estão previstas 486 escalas em 17 destinos, incluindo Buenos Aires, na Argentina, e Montevidéu e Punta del Este, no Uruguai.



O Ministério do Turismo destaca a importância desta temporada para o Brasil, considerando que serão injetados cerca de R$ 4 bilhões na economia nacional, valor impulsionado pelos gastos das armadoras, cruzeiristas e tripulantes nas cidades portuárias de embarque/desembarque e nos locais visitados. A expectativa é gerar 44 mil empregos diretos, indiretos e induzidos que beneficiarão, ainda, os brasileiros que residem nas cidades próximas às paradas dos navios.


Importante lembrar que esta temporada marca a volta do Brasil à rota de companhias marítimas de todo o mundo. De 7 de outubro de 2022 a 17 de maio de 2023, 35 navios de longo curso farão 309 paradas em 45 destinos localizados em 15 Estados brasileiros, como Amazonas, Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul, com grandes expectativas de geração de impacto econômico para a economia nacional.


"Os cruzeiros são a melhor maneira de conhecer o mundo, pois oferecem em uma única viagem hospedagem, transporte, entretenimento, alimentação e uma vista diferente a cada dia. Iniciamos essa temporada com responsabilidade, sempre colocando as pessoas, os tripulantes, o meio ambiente e o compliance em primeiro lugar, e entregando as viagens memoráveis que os cruzeiristas já conhecem", afirma o presidente da Clia Brasil, Marco Ferraz.


"Além disso, vemos muitas oportunidades de expansão do setor no Brasil, à medida que a atividade cresce no mundo, com novos navios em construção, investimentos em eficiência, tecnologia e sustentabilidade. Estamos trabalhando continuamente para que a indústria brasileira de cruzeiros siga evoluindo e possa contribuir ainda mais para a economia e geração de empregos no País", completa Ferraz.


5 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page